Dupla Penetração – Como fazer

Se tem uma coisa que nunca animei realmente é pra fantasia da dupla penetração. Sei que lá, no filme pornô, tudo parece muito fácil, mas… Na real? Acho que dói pra cacete, diga-se de passagem.

Não consigo me imaginar nessa variação. Não sei se é essa minha bendita fantasia do controle, não me sinto muito confortável com a idéia de dois homens me enrabando não. Confesso que até ser comida por um pau e um dildo vá lá, mas dois homens?! Deixo a fantasia pra quem gosta mais que eu…

No entanto, acabei de ler um texto sensacional lá no Pequenos Delitos, PD já fez DP e apesar de saber que meus leitores mais fiéis são fãs do PD, achei legal colocar as dicas dele nessa aulinha de quem sabe, para quem aprecia ou tem vontade de…

PD já fez DP

Sim, já fiz e posso assegurar que é uma delícia, pricipalmente para a mulher. Vi mulheres chorando de prazer, desfalecendo de tanto gozar.

Mas não é fácil, em todos os sentidos. Digamos que a DP não é coisa para iniciantes. Exige paciência, intimidade, entrega total, controle e técnica, muita técnica.

(…)

Para a grande maioria a DP é uma daquelas coisas fadadas a permanecer no plano das fantasias. Mas, supondo que você tenha a oportunidade de participar de uma empreitada dessas, vão aqui algumas dicas importantes:

  • A mulher deve estar muito excitada e ser experiente em sexo anal.
  • Dos dois homens exige-se cem por cento de pauderecência. Pau “meia bomba”, nem pensar.
  • A posição mais adequada é aquela em que um dos homens fica deitado de costas, a mulher por cima, de frente para ele, e o segundo homem por trás dela. A felizarda encaixa primeiro o pau do homem que está por baixo na buceta. Em seguida, empina a bunda para que o outro meta no cuzinho.
  • Os movimentos devem ser bem sincronizados para evitar que um dos paus (ou os dois) fiquem escapolindo toda hora. O ideal é alternar o entra-e-sai, isto é, quando um entra o outro sai, quando um sai o outro entra. Deu pra entender?

Se tudo for feito direitinho, o prazer da mulher será indescritível. Porém, como diz o ditado, rapadura é doce mas não é mole. Se fazer sexo anal já é uma coisa complicada para a maioria das mulheres, imagine fazer com os dois buraquinhos ao mesmo tempo.

(…)

Fonte: Pequenos Delitos

Gente, fica a dica, passa lá para ler o texto completo, tem inclusive link para algumas imagens. Excitante, só não sei se eu encarava… risos.